Atestado é válido para concurso público?

Tempo de leitura: 6 minutos


Reviewed by:
Rating:
5
On 09/01/2017
Last modified:10/03/2017

Summary:

Antes mesmo do dia da realização da prova, uma preocupação passa pela cabeça de quem deseja a aprovação em concurso público. O questionamento é o sobre a possibilidade de encontrar algum problema no percurso. Se houver algum problema de saúde durante a realização da prova, de que forma proceder?

Sim, essa uma questão importante e merece atenção dos candidatos. Afinal, em muitos casos, as pessoas se preparam meses (existem aqueles que ficam anos estudando) para conseguir ir bem na prova, fazem uma série de sacrifícios, mudam completamente a rotina. Tudo isso para conseguir o cargo que tanto almejam.

Muitos são os candidatos que gastam muito para se preparar, seja com cursos preparatórios, materiais didáticos, entre outros métodos. Pessoas que acabam tendo que conciliar os seus estudos para a realização da prova com o seu dia a dia, a correria do trabalho, os estudos na escola ou na faculdade, cuidar dos filhos, além de outras responsabilidades.

Problemas podem acontecer no dia de realizar a prova. Eles podem eliminar o candidato do certame?

Doente no dia da prova

Muita gente se pergunta quanto a eficiência dos atestados médicos. É possível que a apresentação desse documento faça com que as pessoas tenham uma nova oportunidade?

Bem, nesse caso, as notícias não são as mais animadoras para os candidatos. Quando um candidato se sente mal fisicamente ou indisposto, ele precisa entregar o seu cartão resposta dentro de um prazo de permanência (mínimo de uma hora).

Se o candidato não consegue entregar o cartão resposta e acaba deixando o local da prova em decorrência dos problemas enfrentados, ele é prontamente desclassificado do certame. Não há nenhum tipo de recurso que possa ser usado para refazer o teste do concurso público.

E, respondendo às questões sobre a validade do atestado médico, o estudante que não comparecer ao local da realização da prova na data previamente definida estará eliminado. E isso independe da condição de sua saúde.

De nada adianta levar atestado médico a banca organizadora alegando a impossibilidade. O não comparecimento (independente do motivo) e a não realização da prova não podem ser revistos.

Quando os atestados médicos são aceitos

Existe apenas uma situação em que atestados médicos caminham de encontram a aprovação do candidato. Mas, nesse caso, o atestado se torna uma ferramenta, uma exigência dos próprios organizadores do certame.

Existem alguns concursos que exigem um teste de aptidão física, e, para isso, será preciso apresentar um atestado médico. Todas essas informações estão presentes nos editais dos certames que saem com antecedência. Os editais são os documentos onde os concurseiros devem se orientar, e é preciso prestar atenção aos termos.

Por mais que possa parecer algo óbvio, a maioria das pessoas deixa de aproveitar grandes oportunidades por não se atentarem aos editais. Grande parte das eliminações decorre por candidatos não seguirem as instruções que constam no documento.

O atestado médico serve para que as pessoas que concorrem a alguns cargos que exigem aptidão física comprovem a sua capacidade. No dia da realização do teste, as pessoas devem comparecer ao local da prova em uma data e horário que já estão previamente decididas pela organização.

O atestado médico apresentado no dia deve ter sido emitido dentro de um tempo máximo de 30 dias. O candidato também deve ir vestido adequadamente, com trajes apropriados para a realização de alguns esportes.

No atestado, deve haver uma assinatura do médico comprovando que aquela pessoa tem totais condições de realizar os testes de capacidade física propostos.

Se o candidato não apresentar esse atestado no dia da realização, ele será impossibilitado de fazer os testes e será eliminado do concurso público.

A importância dos exames médicos

Para as pessoas que precisam passar pelo teste de aptidão física, a realização dos exames médicos se torna algo fundamental, algo importante para conseguir alcançar o objetivo de ocupar o cargo.

Porém, existem critérios de razoabilidade que podem variar e tornar essa discussão mais flexível do que possa parecer. Em caso de doenças, isso pode ou não acarretar na eliminação do candidato, cada uma carrega as suas particularidades.

É possível, por exemplo, que uma pessoa que presta o concurso e tem uma doença considerada grave, consiga o seu direito de trabalhar. Nesse caso, deve ser atestado à instituição que abre o concurso que a doença está estabilizada e que a pessoa tem boas condições físicas para exercer a função.

Outra coisa fundamental de se entender é que os exames de saúde variam de acordo com os cargos, com as habilidades necessárias para se exercer e a responsabilidade.

Como dito anteriormente, os candidatos devem se atentar aos editais. Nesses documentos, estão descritas todas as etapas e testes do concurso. Ali também estão presentes as questões relativas aos exames e teste de aptidão, como data, horário, vestimentas e etc.

Na maior parte dos concursos, as pessoas passarão pelos exames de laboratório e os exames médicos gerais. Exame com clinico geral, odontológico, com otorrinolaringologista e oftalmológicos são muito recorrentes.

Evitando problemas

O atestado médico, de fato, não vai salvar a vida das pessoas que deixarem de comparecer no local da prova no da realização. Portanto, a melhor maneira de se prevenir é evitar que os problemas que podem vir aconteçam. Se manter longe de surpresas indesejáveis no dia ou nas vésperas do concurso público.

Existem diversas formas de deixar o seu corpo preparado para enfrentar a realização da prova. É preciso que alguns hábitos sejam modificados no período de preparação. Quando as pessoas são preocupam com a sua saúde, estão também acelerando e facilitando a absorção por parte de seu cérebro.

Dormir bem é algo fundamental para todas as pessoas que desejam estar bem no dia da prova. O sono bem dormido desempenha um papel importante no metabolismo humano, fazendo com que as pessoas tenham uma melhor imunidade contra doenças.

A prática de atividades físicas também blinda o corpo contra os incômodos e doenças indesejáveis.  As pessoas devem disponibilizar algumas horas do dia para os exercícios. E, por fim, a boa alimentação ajuda não somente na questão física, mas também na capacidade cognitiva do candidato.

Cuide-se bem sempre, e evite problemas indesejáveis neste dia tão importante para você!

Comentários

comentários

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.